Tutorial básico de criação de aplicativos para iOS

Esse artigo lhe guiará pelo processo de criação de uma interface com o usuário simples e o acréscimo de comportamentos personalizados que transforma a interface em um aplicativo funcional. O aplicativo final poderá ser executado tanto no iPhone quanto no iPad.

Continuar lendo Tutorial básico de criação de aplicativos para iOS

Como criar uma aplicação simples para iPhone – Parte 3 de 3

Essa é última parte da nossa série de 3 artigos que ensina a desenvolvedores iniciantes como criar uma aplicação simples para iPhone. Na primeira parte da série, criamos uma aplicação que continha uma lista de insetos dentro de um TableView. Na segunda parte da série, vimos como criar uma visão detalhada para cada inseto. Nesse artigo, veremos como adicionar novos insetos, adicionar um ícone e uma imagem padrão ao nosso projeto e como manipular operações de longa duração.

Continuar lendo Como criar uma aplicação simples para iPhone – Parte 3 de 3

Como criar uma aplicação simples para iPhone – Parte 2 de 3

Esse artigo é a segunda parte de uma série de três onde criaremos uma aplicação simples para iPhone onde serão mostrados aos desenvolvedores iniciantes os principais tópicos no desenvolvimento de aplicações para o iOS. No primeiro artigo da série, criamos uma aplicação que continha uma lista de insetos em um TableView. Nessa segunda parte, iremos ver como criar uma visão detalhada de cada item da tabela de modo que possamos visualizar uma imagem maior dos insetos, votar neles e alterar a foto deles.

Continuar lendo Como criar uma aplicação simples para iPhone – Parte 2 de 3

Como criar uma aplicação simples para iPhone – Parte 1 de 3

O iPhone é uma grande plataforma de desenvolvimento para desenvolvedores independentes. Nunca foi tão fácil vir com uma ideia única, codifica-la e disponibiliza-la a milhões de clientes em potencial. Dada as possíveis dúvidas que podem surgir para começar a desenvolver uma aplicação para o iPhone, este tutorial tem o objetivo de ser um passo a passo para criar uma aplicação simples para o iOS.

Continuar lendo Como criar uma aplicação simples para iPhone – Parte 1 de 3

Implementando um banco de dados no iOS 4 do iPhone usando SQLite

Nesse artigo, veremos como implementar, para aplicações iOS do iPhone, persistência de dados através de um banco de dados SQLite, que é de longe uma das formas mais eficientes de armazenar dados no iPhone. Para atender essa necessidade, o SDK do iOS inclui tudo que é necessário para integrar banco de dados baseados em SQLite em aplicações iPhone. O objetivo desse capitulo, portante, é fornecer uma visão geral de como usar o SQLite para executar operações básicas na sua aplicação.

Continuar lendo Implementando um banco de dados no iOS 4 do iPhone usando SQLite

Xcode – parte 3 – Distribuindo aplicações

Antes de submeter uma aplicação para a App Store ou compartilhar ela com outras pessoas, você precisa criar um arquivo de aplicação. Você pode então compartilhar esse arquivo com testadores e outros desenvolvedores ou distribuir a aplicação aos usuários. Para ter a aplicação considerada para inclusão na App Store, você submete ela via iTunes Connect. Para garantir que o arquivo de sua aplicação passe pelos testes essenciais do iTunes Connect, você pode ter que valida-la no Xoce antes de submete-la. Continuar lendo Xcode – parte 3 – Distribuindo aplicações

Xcode – parte 2 – Orientações para o uso do Xcode

Uma vez que você tenha criado seus projetos no Xcode, você pode começar a escrever o código. Esse artigo descreve onde encontrar os recursos mais usados do Xcode. Nos próximos artigos veremos alguns desses recursos em detalhes.

Continuar lendo Xcode – parte 2 – Orientações para o uso do Xcode

Xcode – parte 1 – Iniciando um projeto

Esse artigo mostrará como você pode iniciar um novo projeto no Xcode 4, seja criando um novo projeto do zero, ou abrindo um projeto do Xcode 3 existente. Uma vez que tiver criado seu projeto, vá para o artigo “Orientação para uso do Xcode” para aprender mais como usar o Xcode 4.

Continuar lendo Xcode – parte 1 – Iniciando um projeto

Introdução ao Xcode

O Xcode 4 é a última versão do ambiente de desenvolvimento integrado da Apple, uma ferramenta completa para criar aplicações para o Mac OS X e iOS. O IDE Xcode incluum editor de código poderoso, um editor de interface gráfico sofisticado e muitos outros recursos de personalização para suportar gerenciamento de repositório de código de fonte. O Xcode pode ajudar você a identificar erros tanto na sintaxe quanto na lógica, e mesmo sugerir correções.

Continuar lendo Introdução ao Xcode

Uma aplicação exemplo usando a API nativa do iPhone com HTML5 e um banco de dados SQL local

Esses dias eu tive a oportunidade de testar o PhoneGap, um framework open-source para criar aplicações móveis nativas com padrões web. Dessa forma, a primeira coisa que vem a mente quando se pensa sonre HTML5 é que mesmo que os navegadores móveis sejam rápidos para implementar novos recursos, você não pode contar totalmente em “padrões” mas sim em “rascunhos”. As consequencias disso são um documentação ruim e dificuldade de achar ajuda em tópicos e discussões pela web. Continuar lendo Uma aplicação exemplo usando a API nativa do iPhone com HTML5 e um banco de dados SQL local

Armazenamento local para aplicações iPhone

Quero desenvolver uma aplicação para iPhone, mas estou com problemas para lidar com o armazenamento de dados. Eu não preciso armazenar todo o histórico de registros, pois ocupará muito espaço. Mas será necessário armazenar vários registros de modo que o usuário possa ver algo mesmo quando baixando mais dados ou não haver uma conexão de rede. Qual o método adequado para isso?

Continuar lendo Armazenamento local para aplicações iPhone

Criando uma aplicação para o iPhone – primeiros passos

Numa visão geral, o processo de criação de uma aplicação para iPhone é similar a criação de uma aplicação MacOSX. Ambas usam as mesmas ferramentas e muitas dessas aplicações usam as mesmas bibliotecas básicas. Apesar das similaridades, existem também diferenças significativas. Um iPhone não é um computador de mesa; tem um propósito diferente e requer uma abordagem muito diferente de design. Essa abordagem precisa tomar vantagem dos recursos do iOS e renunciar características que podem ser irrelevantes ou impraticáveis em um ambiente móvel. O tamanho menor da tela do iPhone e do iPod touch também significa que a interação com o usuário de sua aplicação  deve ser bem organizada e sempre focar na informação que o usuário mais precisa.

Continuar lendo Criando uma aplicação para o iPhone – primeiros passos